A inteligência artificial como potencializadora das estratégias de marketing

por Inteligência DGBZ

Publicado em 03 de Fevereiro de 2020

A inteligência artificial como potencializadora das estratégias de marketing

03 de Fevereiro de 2020

    

    A inteligência artificial é uma das facilidades trazidas pela tecnologia, e pode ser aplicada de diversas maneiras.

    A internet trouxe muitas mudanças para a vida das pessoas e também das empresas. Quando se trata de consumir, as pessoas estão muito mais atentas e têm à disposição diversas opções para um mesmo produto ou serviço.

    Isso porque a internet possibilitou que todas as empresas, da menor a maior, tivessem as mesmas condições de presença na internet. 

    Sendo esta o principal canal de busca por produto e serviços atualmente, é natural que a concorrência entre as marcas seja expressiva.

    Por isso, cada vez mais as empresas vêm investindo em maneiras de impactar o seu público-alvo, reduzindo as brechas que podem abrir espaço para a concorrência.

    Para fazer isso, é necessário conhecer o perfil de consumidor de uma marca e direcionar a ele campanhas compatíveis com seu perfil. 

    Unindo essas estratégias de marketing digital à inteligência artificial, as empresas conseguem identificar a efetividade de seus esforços em marketing.

    Então, como usar a inteligência artificial? Neste artigo, você saberá o que é, como usá-la para otimizar as estratégias em marketing e entender um pouco mais sobre o uso de softwares de inteligência artificial e automação nos processos de marketing.

O que é inteligência artificial?

    De uma maneira geral, pode-se dizer que inteligência artificial é a elaboração de dispositivos que simulem a capacidade que o ser humano tem de raciocinar, resolver problemas, tomar decisões dentre diversas outras habilidades intelectuais humanas.

    Há muitos anos, a ciência vem desenvolvendo dispositivos que, cada vez mais, tornam-se mais inteligentes.

    Por meio do desenvolvimento da informática e da computação, a inteligência artificial se desenvolve cada vez mais rápido.

    Praticamente todos os segmentos do mercado vêm aplicando o uso dessa inteligência para contribuir com suas atividades operacionais e também para tomada de decisão.

    Apesar de parecer ser recente, a inteligência artificial começou a ganhar destaque nos anos 1950, quando máquinas começaram a ser desenvolvidas para resolver problemas que até então somente o ser humano era capaz de resolver.

    O principal objetivo da inteligência artificial é possibilitar que as máquinas aprendam, raciocinem, percebam e decidam de maneira lógica. 

    Sua capacidade de aprendizado precisa ser alimentada constantemente para que ela continue evoluindo.

    Ou seja, não muito diferente de nós, seres humanos, que precisamos constantemente estar em busca de informações para evoluirmos nossa capacidade de pensar.

    Muitas pessoas ainda acreditam que a IA (inteligência artificial) é apenas uma maneira de realizar análise de dados, no entanto, ela consegue cumprir uma grande quantidade de comandos, pois o intuito é atingir a capacidade do ser humano.

    Se a IA tem como propósito ajudar na tomada de decisões e solucionar problemas, isso explica o fato de ela ser muito utilizadas nas estratégias de marketing digital.

O uso da inteligência artificial como estratégia de marketing digital

    O marketing digital é um conjunto de ações que uma empresa adota de maneira on-line, ou seja, na internet, para atrair a atenção do consumidor, divulgar produtos e serviços e também de estabelecer sua identidade.

    O principal método de ação do marketing digital é “mirar” no público-alvo de uma empresa, para impactá-lo e trazer resultados esperados.

    Isso quer dizer que o marketing digital não veicula propagandas indiscriminadamente para qualquer pessoa, mesmo que ela não tenha o mínimo interesse no produto ou serviço oferecido.

    Para surtir efeito, as estratégias do marketing digital fazem todo um trabalho de identificação do público-consumidor. 

    Por exemplo, uma loja de materiais de construção quer destacar a Válvula direcional hidráulica para aumentar suas vendas.

    Para fazer isso, por meio do marketing digital, essa loja identificará o tipo de consumidor que se interessará pelos seus produtos. 

    Após definir o seu público-alvo, ela define a sua persona, um personagem fictício que represente o seu cliente ideal.

    Tendo essas características em mãos, a empresa investirá em campanhas de marketing direcionadas àquele perfil, o que representa um retorno muito mais garantido e satisfatório.

    No entanto, apesar da alta eficiência, muitas vezes, a escolha de uma campanha pode não ser bem elaborada ou não atingir os resultados esperados. 

    Essas brechas podem fazer com que as empresas demorem mais tempo para tomar uma decisão ou deixem de investir em uma campanha mais satisfatória.

    É exatamente aqui que entra o uso da IA no marketing digital. E para fazer uso dela, é necessário que algumas tecnologias sejam empregadas.

    O machine learning, ou, aprendizado das máquinas, é uma tecnologia utilizada para que os computadores possam evoluir.

    Na prática, uma empresa, por exemplo, de Adequação nr12 pode usar o machine learning para fazer recomendações aos seus clientes.

    Para fazer isso, todas as ações dos clientes são monitoradas, como quando ele se interessou por determinado serviço, mas também se interessou por outro.

    Ao realizar uma pesquisa, o sistema já indica outro que, de acordo com as análises realizadas, tem relação com a pesquisa.

    Também existe uma versão um pouco mais aprofundada do machine learning, conhecida como deep learning.

    Esta versão é mais inteligente e complexa e usa ferramentas mais sofisticadas para resultados mais precisos.

    Tendo como base o mesmo tipo de exemplo anterior, o deep learning identifica algumas exceções que ajudam a descartar sugestões desqualificadas.

    Por exemplo, se 10 pessoas procuraram informações como Cortina de luz de segurança preço, mas também buscaram por algum outro equipamento semelhante, o software entende que essa outra busca também é relevante.

    Outra capacidade do deep learning é em relação a buscas completamente opostas umas das outras. 

    Se um usuário pesquisa na internet preços de óculos de sol e depois disso realiza uma pesquisa sobre veículos, o machine learning entenderia que os veículos também são relevantes.

    Já no caso do deep learning, este identifica que os dois produtos não estão relacionados e evita que uma exceção no comportamento do usuário se torne uma regra para a indicação de produtos.

    Sendo assim, não é porque um usuário que estava pesquisando cortina de luz de segurança e depois pesquisou sobre Fita de ancoragem que essa segunda busca seja realmente relevante.

    Outra tecnologia para a aplicação da IA é o processamento de linguagem natural. Essa tecnologia consiste em um tipo de lapidação de resultados, que os tornam mais naturais e humanos.

    Um exemplo disso é o uso dos chatbots pelas plataformas e-commerce. Essa ferramenta é utilizada para o atendimento ao cliente de maneira instantânea.

    Quando o PLN (processamento de linguagem natural) é aplicado aos chatbots, estes emitem respostas mais naturais, aproximando-se da naturalidade da fala do ser humano. Se o PLN não é aplicado, a linguagem soa robótica e nada natural.

    O uso da IA é muito benéfico para todos os tipos de empresa, como uma que ofereça os serviços de recozimento de ligas ferrosas. Isso porque traz diversos benefícios, como:

  • Automação;
  • Previsibilidade;
  • Aprofundamento de dados;
  • Melhora constante.

    Diante de tantos benefícios e da possibilidade de automação dos processos em marketing digital, é interessante falarmos um pouco sobre a aplicação direta no marketing digital.

A inteligência artificial como automação nos processos de marketing digital

    Quando se fala em automação de marketing digital, muita gente pensa que se trata de uma ação realizada automaticamente. 

    Um exemplo disso é agendar postagens em redes sociais. Mas essas ações, na verdade, não têm nada a ver com automação de marketing.

    Uma fabricante de Motobomba diesel, por exemplo, por meio da automação de marketing, pode entender e também agir de maneira personalizada com as pessoas que estão interagindo com ela, por meio dos canais on-line.

    Sendo assim, a automação de marketing permite entender o interesse do lead e qual é o seu estágio de compra. 

    Isso fornece para a empresa todas as informações que ela precisa, em um momento determinado e de maneira automatizada.

    Se uma empresa de Levantamento planialtimétrico faz uso dessa automação, ela obtém diversas vantagens, como:

  • Nutrição de leads;
  • Funil de vendas mais eficiente;
  • Leads que geram tickets maiores;
  • Comunicação personalizada;
  • Menos retrabalho em marketing;
  • Diminuição do ciclo de vendas;
  • Vendedores mais produtivos.

    O uso da inteligência artificial como uma maneira de automatizar os processos em marketing digital vem sendo realizado por todos os tipos de empresa. 

    Isso inclui organizações que oferecem serviços de Licença de operação até as mais variadas plataformas e-commerce.

    O mercado lotado de concorrência, principalmente na internet, não admite mais erros na hora de se comunicar com o público-alvo. 

    Portanto, conta com uma inteligência a mais para tomar as decisões e encontrar as melhores estratégias é o caminho certo para as empresas que querem se sustentar no mercado.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Quer alavancar suas vendas?

Deixe seu contato e conheça a metodologia inovadora da primeira aceleradora de vendas do mercado imobiliário.

Quer receber conteúdo exclusivo direto no seu e-mail?